VANTAGENS: 

Os sistemas fotovoltaicos integrados às edificações urbanas e conectadas à rede oferecem diversas vantagens para o sistema elétrico de um país, muitas delas relacionadas à redução de custos e que ainda não são consideradas ou quantificadas.

  • Redução da sua conta de energia (de 40 a 97%)

  • Valorização do Imóvel (8 a 10% em média)

  • Isenção de ICMS, PIS e COFINS sobre a energia inserida na rede elétrica

  • Auto sustentabilidade e Consciência Socioambiental

  • Baixo impacto ambiental

  • Fornecimento de maiores quantidades de eletricidade nos momentos de maior demanda (ex.: o uso de ar-condicionado é maior ao meio-dia no Brasil, quando há maior incidência solar e, consequentemente, maior geração elétrica solar)

  •  Não exigência de área física dedicada

  • Redução da Emissão de CO²

  • Instalação rápida

  • Capaz de proporcionar até 37 pontos no processo de certificação LEED*

  • Imunidade aos aumentos de tarifa de energia elétrica/bandeiras por, pelo menos, 25 anos

  • Economia na conta de luz já no primeiro mês de funcionamento.

O PROCESSO

O processo para a implantação de um Sistema de Energia Solar Fotovoltaica passa por algumas etapas básicas:

  • Identificar qual o Objetivo da Geração de Eletricidade (Independência com relação à Concessionária, Gerar Créditos e Reduzir Gastos com Energia, Certificação LEED*)

  • Levantamento do Consumo Mensal e anual da Residência – Coleta de Informações, Projeção de Consumo, Avaliação do Espaço Disponível e Condições de Instalação do Sistema

  • Contratação do Projeto Executivo

  • Elaboração de Documentação Técnica do Sistema para Solicitação de conexão à Rede da Concessionária Local

  • Análise do Projeto pela Concessionária

  • Implantação do Sistema e Conexão à Rede da Distribuidora

  • Início da Operação (Comissionamento).

Certficação LEED* (Leadership in Energy and Environmental Design) 

Emitido em mais de 130 países de todo o mundo, o selo é considerado hoje a principal certificação de construção sustentável para os empreendimentos do Brasil, onde é representado oficialmente pelo GBC-Brasil - Conselho de Construção Sustentável do Brasil, que foi criado no país em 2007.